quarta-feira, 25 de junho de 2008

Bombinhas de Gruyère e Ervas


Há tempos que vi estas bombinhas.
Gosto muito da massa 'pâte à choux' e costumo fazê-las com frequência. Sempre doces. Nunca tinha experimentado uma versão salgada, chamadas de gougères.
Outro dia, procurando por um acompanhamento, lembrei-me delas - nem sei porquê não as preparei antes!
Estava com um pedaço de gruyère, só esperando a ocasião certa para utilizá-lo.
Pronto! Sugestão deliciosa, da Luna. Modifiquei os ingredientes, de acordo com minha despensa.
Luna, uma delícia! Obrigada!


Rende mais de 100 bombinhas minis. Fiz 50 pequenas.
xícara medida 200ml
1 xícara de água
1/3 de xícara de margarina - usei manteiga
1 xícara de farinha de trigo
1 colher (chá) de sal
4 ovos
3/4 de xícara de queijo prato ralado grosso - usei gruyère
4 colheres (sopa) de cebola picada - fiz com 3 rasas
Ervas a gosto - usei 1 colher (chá) 'ervas finas' secas

Aqueça o forno em temperatura bem alta (220°C).
Unte levemente duas assadeiras grandes (se for antiaderente não precisa).
Aqueça a água com a margarina numa panela até que levante fervura. Junte a farinha e o sal de uma só vez e mexa vagarosamente em fogo baixo até que a mistura forme uma bola (em mais ou menos 1 minuto) - deixei 3 minutos.
Retire do fogo e coloque na tigela da batedeira.
Junte os ovos - juntei um a um e bata bem, até a massa ficar lisinha (fica um pouco grudenta). Acrescente o queijo, a cebola e as ervas e mexa bem com uma colher.
Deixe cair as colheradas de chá (ou faça as bombinhas com um saco de confeitar) sobre as assadeiras.
Asse em forno quente de 15 a 25 minutos (depende do tamanho), até que cresçam e dourem.
Sirva quente.

Observações:


1) À esquerda na foto estão as bombinhas feitas com o auxílio da manga de confeiteiro e à direita, com a ajuda de 2 colherinhas de chá. Acho que as da esquerda ficaram um tantinho mais bonitinhas, mas devo dizer que as feitas com colher ficaram muito boas também; então, caso alguém não tenha manga+bico de confeiteiro, é possível fazer as bombinhas sem medo;

2) Não há necessidade de deixá-las muito douradas, pois não murcham, como as 'tradicionais';
Mais tempo no forno, elas ficam mais sequinhas, perfeitas para serem recheadas com um patê, por exemplo; se ficam menos tempo no forno, ficam mais macias, e são ótimas para serem degustadas ao natural.

29 comentários:

Akemi disse...

Sua cozinha anda a todo vapor, hein, amiga! Fiquei babando nestas bombinhas, devem ser tão aromáticas e saborosas! Hummm!

Filipa disse...

Devem ser tão boas! Eu adoro essa massa mas assim como você, eu também nunca a experimentei sem ser em doces. Vou anotar esta receita para fazer.

beijinhos

monica disse...

Que delícia. Parecem profiteroles mas salgados. Gostei da sugestão.
Beijinhos

Marizé disse...

Adoro massa de profiteroles.
Esta versão salgada não podia estar melhor: queijo e ervas = tentação!

Bj

Luciana Macêdo disse...

Estas bombinhas estão uma verdadeira tentação. Recheadas ou não são uma delícia para beliscar ou na hora do lanchinho, uma ótima sugestão.
Bjs!

Donna Dani disse...

Interessantíssimo fazer esta receita numa versão salgada gostei e muito criativa hein!

risonha disse...

parceirinha, isso é que são umas verdadeiras bombinhas... bombinhas a explodir de sabor delicioso.
gostei muito.

Letrícia disse...

Adorei a dica das colheres de chá. Eu já tinha murchado porque não tenho saco de confeitar e me animei de novo ao ler as observações!

Beijos!

Patricia Scarpin disse...

Ando com uma vontade imensa de fazer estas bombinhas também, Laurinha! Agora que vi as suas, ainda mais!

Ana Elisa disse...

Hmmmm... taí uma coisa que morro de vontade de testar, mas NUNCA me lembro de fazer. Ficaram com uma cara ótima!!

Beijos!

Paula Amanda disse...

Estão com cara de deliciosas!!!
Até consigo sentir o cheirinho bom!!!

Abraços,
Paula Amanda

IVANEIDE disse...

Amei seu BLOG! as receitas são maraaaaavilhosas!!
Só não gostei de ter tirado o azeite de dendê e o coentro do Bobó, mas , fazer o quê! enfim parabéns!!

ĵåииå jōåиïņhå disse...

aiii que maldade ficar mostrando isso por ai, descaradamente!

ahahaha água na boca!

Laurinha disse...

Akemi, ficaram ótimas! E um complemento cheio de charme à mesa...

Filipa, então faça, vale a pen, Já estou pensando em outras ervas e parcerias!

Monica, na essência, saõ, pois partem de uma massa cozida - pâte à choux...

Marizé, isso mesmo, a equação está perfeita!

Lu, e super elegantes, gostei mesmo ddelas!

Donna Dani, obrigada! Os créditos são para a Luna, que apresentou a sugestão para nós!

Risona/parceirinha, são mesmo! :DD

Letrícia, vc sabe que na falta da manga de confeiteiro, já usei muito saquinho de açúcar.... são ótimos, resistentes e descartáveis, de qq jeito! Até hj costumo guardar os vazios para qq eventualidade!

Patricia, então faça, acho que vc vai gostar!

Ana Elisa, já tinha ensaiado fazer antes.... agora saiu!

Paula Amanda, e os bebês, vão bem?
Saudades...

Ivaneide, bem-vinda e obrigada pela visita!

Janna, oras, por que não?! :DD

Beijinhos, meninas!!

Gourmandise disse...

Ih, o tipo de comidinha não consigo comer pouquinho. Imaginei um bowl cheio dessas bombinhas na minha frente...terá uma hora que dorei: tira por favor da minha frente, antes que eu coma tudo!!!
bjo,
Nina.

Silvia Arruda disse...

Laurinha, essas bombinhas ficaram show!! E o sabor deve ser incrível, já que mistura ervas e gruyère!! humm

pipoka disse...

Estou tão habituada a relacionar estas "bombinhas" (chamamos profiteroles) com sobremesa, que jamais me lembraria de usá-las salgadas e como acompanhamento. Só posso dizer que amei a ideia.

bjs

laila disse...

arrasou na sugestao!! bjs

Nereime disse...

Que receita diferente e deliciosa,como tudo oque vc faz, um primor, parabéns pela linda foto!
bjs

Odete disse...

Laurinha, adorei essa ideia,
versao salgada. Otimo saber que com essa receita elas nao murcham/
Well done!
beijinho

Simone Izumi disse...

Sweet Laurinha:
Amei esse choux salgado! É a primeira vez que tenho acesso a essa receita!!
Deve ter ficado bão demais da conta....
O seu blog está maravilhoso, viu?????
bjs

Ana disse...

Laurinha, estou com essa receita separada p/ testar desde q a Luna postou, acredita?? (a receita inclusive eh parte dos meus favoritos/bookmark no computador!)
Preciso fazer e sabe q agora eh uma boa oportunidade pois estou aqui com a familia e tem mais bocas p/ comer!!
Ja estou em SP, me manda um e-mail e quem sabe a gente combina de se encontrar mesmo hein!!
Beijos!
Ana

iliane disse...

adorei..estão lindas..numca antes havia visto salgas..e..devem ter ficados deliciosas..com Gruyere... ervas..naõ seria diferente né?bjus

Carla disse...

Mas que bomba boa! Queijo e ervas é uma excelente combinação =)

bjs

Sylvia disse...

Sempre faco bombinhas salgadas nos aniversarios, mas só o recheio é salgado, adorei a dica de massa salgada
beijoss

Bia Belliard disse...

eu acho quper pratico os gougeres, e na falta de um bom paozinho de quijo vai ele mesmo ! E com as ervas deve ter ficado bem interessante ! beijocas

lunalestrie disse...

Laurinha, só vi agora! Que lindas que as suas ficaram! :D
E com gruyère deve ter ficado ótimo! Que bom que gostou. Beijos!

Cris disse...

Esta receita também sempre pinta aqui na minha cozinha, desde que a Luna publicou. Adoro! Bjs!

Laurinha disse...

Nina, já fiz outra fornada! É bom demais!

Silvia, uma delícia, da segunda vez fiz que gorgonzola, delicioso!

Pipoka, estas gougères são demais!
Acabo por chamar de profiteroles somente as doces...

Laila, obrigada, os créditos são da Luna!

Nereime, pbrigada, linda!

Odete, até deixei um pouco menos no forno, na segunda vez... fiaram ótimas!

Simone, tão 'básica' e tão ostosa!

Ana, que bom que já veio, vou te passar um email jájá!

Iliane, experimente, acho que vai amar!

Carla, da boa mesmo!!

Sylvia, também adoro a choux comum, recheada com salgado!

Bia, um perfuminho excelente!

Luna, viu só! Adorei, obrigada, viu!

Cris, é um complemento tão bonito! E gostoso!

Beijinhos, meninas!!!