quarta-feira, 6 de fevereiro de 2008

Retornando, com a Torta de Uvas da Virada

Voltei!!!
.
Viajamos, passeamos, nos divertimos, nos cansamos, conheçemos novos lugares, revisitamos outros, e agora, a rotina implora pelo retorno. Adoro viajar, e voltar também!
.
É ótimo estar de volta e mal posso esperar para ver tudo o que vocês têm postado, ansiosa para visitar os blogs amigos, saber das novidades e bater papo! Que saudades eu senti!!
Aos poucos vou me atualizando, quero saber de tudo!
.
Preparei esta Torta de Uvas para a passagem do Ano Novo, e não tive chance de postar. Agora é uma ótima oportunidade!
.
Beijinhos!
.
Para agradar barriguinhas e superstições na virada do ano, esta torta de uvas é ótima.
Acabei fazendo com uvas rosadas, pois estavam super docinhas – as brancas que experimentei estavam verdes, e não queria começar o ano ‘azeda’!!!
E por conta disto, não pincelei as uvas com geléia, achei que ficaria muito doce.... perdi na apresentação – a geléia sempre confere um brilho, mas ganhei no sabor!

Fiz numa torteira grande que tenho, de 25cm, mas como sobrou massa – fiz mais 2 pequenas de 8 cm, acredito que a receita dê perfeitamente para uma torta baixa de 28 cm ou até 30 cm, ficando com uma massa mais fininha, e mais gostosa. (A minha ficou um pouco grossa, não gostei muito).


Para 8-10 porções
Para a massa
3/4 xícara (chá) de açúcar de confeiteiro
100 g de manteiga
2 ovos
3 xícaras (chá) de farinha de trigo
farinha de trigo para polvilhar
grãos de feijão cru
1 pitada de sal


Numa tigela, misture o açúcar e a manteiga até obter uma pasta.
Em seguida, acrescente os ovos e o sal e misture. Quando ficar homogênea, acrescente a farinha de trigo. Trabalhe a massa com as mãos até que ela fique lisa e uniforme.
Faça uma bola e cubra a tigela com filme plástico. Leve à geladeira por, no mínimo, 1 hora ou até a massa ficar bem dura.
Enquanto a massa gela, comece a preparar o recheio.
Pré-aqueça o forno a 150°C (temperatura baixa).
Quando a massa estiver bem dura, retire da geladeira. Numa superfície de trabalho enfarinhada, abra a massa com um rolo. Deixe a massa com cerca 0,3 cm de espessura. Esta massa deve ser trabalhada enquanto está gelada e muito rapidamente, para que não se quebre.
Numa fôrma própria para tortas, coloque a massa e fure com um garfo por toda a sua extensão.
Coloque uma folha de papel-alumínio sobre a massa e acrescente feijão cru, para criar peso.
Leve a torta ao forno pré-aquecido e deixe assar por 15 minutos.
Retire a fôrma do forno e remova os feijões e a folha de papel-alumínio da massa.
Leve a massa novamente ao forno e deixe assar por mais 15 minutos ou até que comecem a dourar.
Retire a massa do forno. Reserve.


Para o recheio
500 ml de leite
1 xícara (chá) de açúcar
2 ovos
2 gemas
2 colheres (sopa) de maisena
2 colheres (sobremesa) de farinha de trigo
2 colheres (chá) de essência de baunilha

Numa panela, misture o leite e metade do açúcar e leve ao fogo alto para esquentar.
Numa tigela, misture bem o açúcar restante, a maisena, a farinha de trigo e os ovos.
Acrescente um pouquinho do leite quente à mistura dos ovos e mexa bem. Vá acrescentando o leite aos poucos até o fim misturando sem parar. Este processo é importante para que os ovos não cozinhem.
Volte a mistura para a panela e leve ao fogo médio. Continue misturando, sem parar, até obter um creme grosso. Desligue o fogo e acrescente a essência de baunilha.
Transfira o creme da panela para uma tigela. Cubra com filme plástico e leve à geladeira para esfriar.


Montagem
1 cacho de uva-itália
2 colheres (sopa) de geléia de damasco (não usei)

Retire as uvas dos cachos e lave sob água corrente.
Com uma faquinha, corte as uvas ao meio, no sentido do comprimento, e retire as sementes. Reserve.
Com uma colher, espalhe bem o creme de baunilha sobre a massa. Cubra com as uvas, colocando uma ao lado da outra e seguindo a circunferência da torta.
Numa tigelinha, misture bem a geléia de damasco e a água. Passe a mistura por uma peneira fina.
Com um pincel, passe a mistura de geléia sobre as uvas. Sirva a seguir.


Esta é uma das pequenas, que deixei em casa – a grande levei para a casa de minha cunhada, onde passamos a virada do ano!




23 comentários:

anna disse...

Tão bom teres voltado! Passei por aqui quase todos os dias e... pimba, dava com o nariz na porta!
Bom que tudo correu bem.
E que bela tarte para começar um ano novo, ou um mês ou até... um novo dia!
Beijocas.

COZINHAR COM OS ANJOS disse...

Que maravilha de tarte para começar o ano.Que saudades já tinha,ainda bem que correu tudo bem beijinhos doces

Anette disse...

Passei só para deixar um beijinho enooooooooooooormr, minha querida Laurinha!!! As férias foram boas???
Boa sua torta, viu?

Gatinha na cozinha disse...

ei laurinha! que bom que aproveitaram as ferias.. e que bela volta!!! amei a torta!!! delicia.. bjkas dani

Gourmandise disse...

Bom retorno! Gosto de torta de frutas, combinam com o verão!
bjo,
Nina.

Laranja com Canela disse...

Que linda. Deve ser uma delícia.

iliane disse...

hummm..amei a torta..tá linda..e..deve tá muito boa..mesmo!!bjos

Receitas da Filipa disse...

Laurinha que bom que voltou e ainda bem que essas férias foram uma maravilha, viajar é sempre bom deixa-nos de ânimo leve.
Que bela torta, o recheio parece super cremoso. Adorei!
Beijinhos

Marizé disse...

Laurinha, que saudades!!!!

E voltou cheia de talento esta tarte está uma perdição.

Beijocas grandes

Marcia disse...

Laurinha, que bom que vc voltou! A torta está linda; deve ter feito muito sucesso na virada do ano... Welcome back! Bjs

Natércia disse...

Laurinha como você chegou de férias e com muita força para fazer uma tão bela maravilha deliciosa adorei um beijo.Natércia...

Carla disse...

Laurinha, ainda bem que voltou, já estava com saudades!
Nunca fiz tarte de uvas mas como gosto muito desta fruta vou anotar.

bjs grandes

receitinhas da belinhagulosinha disse...

k maravilha e voltaste com uma tarte maravilhosa...adorei mesmo..bjokitas

Eliana Scaramal disse...

A torta está linda! E estou feliz demais em tê-la de volta!

Laurinha disse...

Anna, obrigada querida, vcocê é um amor!

Anjinha, uma delícia mesm o!

Anette, férias ótimas, assim que der mostro ums coisinhas que eu trouxe...! :))

Dani, obrigada linda!!

Nina, frutinhas são tudo de bom, tb adoro!

Laranja com Canela, ficou muito boa mesmo, a massa um tanto gordinha para o meu gosto, mas a solução é simples, é só abri-la mais fininha!

Iliane, que bom ver você aqui! :)

Filipa, é sim, super cremoso, na medida certa para não escorrer quando partimos a fatia!

Marizé, querida!!! Obrigada!

Marcia, sempre gosto de fazer no final do ano, vou variando a massa, até achar 'a perfeita', que ainda não achei... continuo na busca!

Natércia, obrigada viu!

Carla, podes variar as frutas, como kiwi, morango, pêssegos, damascos...

Belinha, obrigada! :))

Lica, que bom! obrigada!!

Beijinhos, meninas!

Carla Ventura disse...

Que gracinha de torta. Essas tortinhas são a cara da minha mãe. Eu sempre faço dessas na época boa dos morangos. :)

Julia Valsecchi disse...

passei por aqui também viu e que torta deliciosa é esta... pena que estou só na salada beijos

chrises disse...

Oi Laurinha!!! Seja bem vinda de volta!

Beijos e obrigada pela visita

Chris

Cláudia disse...

Amei esta torta porque é daquelas que dá para fazer com qualquer fruta crua. Estas uvas estão lindas, estão vermelhas, você falou que são uvas itália, mas mais parecem rubis! Receita já anotada!

bjs

Laurinha disse...

A receita original é com uvas itália. Eu é que optei pelas rubi, pois as itálias estvam muito azedas...
Beijinhos,

Natural Naturalmente disse...

Laurinha, já sentia a sua falta.

Voce entrou o ano bem doce e com "rubis" com certeza 2008 vai agradecer e retribuir.

Espero novas delicias! Não demore a actualizar-se.

Bom fim de semana :)
Márcia

Anônimo disse...

Liiinda torta...
Bjos ! :)
Qual a receita da geléia de brilho?

Valentina disse...

Laurinha, que sonho de receita. estou apaixonada.